Pro.Benfica

Quinta-feira, 17 Setembro, 2015

Sporting – 1 Lokomotiv – 3

Filed under: Liga Europa, Sporting — pro.benfica @ 22:51
  1. Sporting e russos são duas palavras que não combinam. Depois de ter sido aviado pelo CSKA na Liga dos Campeões, os verde-e-brancos tropeçaram hoje em mais um bando vindo das estepes.
  2. Jorge Jesus prossegue no Sporting o desempenho mostrado na Luz: ele e Europa são igualmente incompatíveis. Tal como na Luz, também no novo lar continua a esturricar dinheiro a quem lhe paga o ordenadinho.
  3. Abençoada a formação do Sporting. Um clube que vê em Tobias Figueiredo e Paulo Oliveira (este deformado noutras paragens) a dupla titular do Euro 2016 é no mínimo visionário.
  4. Todos os clubes portugueses que jogaram para as competições europeias amealharam pontos para «ranking». Todos… não. Um só contribuiu com uma humilhante derrota. Quem terá sido? Aceitam-se apostas.
  5. João Pereira já não é jogador de futebol, só que ninguém o avisou ainda.
  6. Jorge Jesus afirmou, na conferência de imprensa final, que quer os atletas no Sporting numa PLANTAFORMA. E, para que ninguém tivesse dúvidas ou alguém tivesse ouvido mal, repetiu. Com estes equívocos linguísticos, é natural que os jogadores tenham alguma dificuldade em compreender o que o treinador quer. O  brilho da sua genialidade está a ofuscar os jogadores, daí o futebol praticado e as sucessivas glórias conquistadas no contexto europeu.
  7. Quem se deve estar a rir (só um pouquinho, pois também foi aviado com 3 do Bayern) é Marco Silva. Ah, se fosse com ele, os milhões da Champions a voar e a Liga Europa quase a voar, o facebook do «prasidente» já estava atulhado com um «post» esmagador e até a sanita da Juve Leo tinha voado pela janela.
Anúncios

Sexta-feira, 27 Abril, 2012

Sporting fora da Liga Europa

Filed under: Liga Europa, Sporting — pro.benfica @ 14:25
  1. Parabéns ao Sporting por chegar às meias-finais da Liga Europa. Sem ironias, sem piadas farsolas do género «Com quem é que vocês (adeptos benfiquistas) jogam quinta-feira?
  2. A técnica da retranca nem sempre pode funcionar. Hoje, o Sporting jogou como costuma fora de casa ou contra equipas grandes: lá atrás, à espera de um contra-ataque. Além disso, após a primeira meia hora os jogadores pareceram cansados, sem se perceber porquê, pois jogou na Madeira com apenas dois titulares.
  3. O Sporting parece viver de balões que enchem e esvaziam com igual rapidez. Foi assim com Domingos Paciência, está a querer ser assim com Sá Pinto. Por muito que se queria fazer crer o oposto, o Sporting sofreu imenso contra o Matelist, sofreu horrores com o Nacional, ganhou sofrivelmente alguns jogos no nosso campeonato. Pelo meio, fez algumas boas ou muito boas exibições.
  4. O Sporting tem um problema com a segurança. Na Luz, foi o escarcéu que se viu  e ouviu e que culminou com a deflagração de um incêndio numa bancada do Estádio. Num país normal e a sério, algo de muito grave já teria acontecido, pelo menos aos adeptos e também a elementos da direção sportinguista que, além de não terem condenado o ato criminoso, passaram a semana anterior ao jogo a criar condições para que algo de grave se viesse a passar e, depois, prosseguiram os eu desvario com declarações absolutamente insuportáveis. Ontem, Godinho Lopes queixou-se da «jaula» em que os adeptos sportinguistas estiveram encerrados. Entre os adeptos dos dois clubes é que parece não ter havido quaisquer conflitos; pelo contrário, houve palmas dos espanhóis para os portugueses, isto depois de em Alvalade ter havido gestos de cortesia e nobreza em sentido inverso.
  5. Os comentadores da SIC foram absolutamente lamentáveis durante a narração. Todos estamos habituados a não haver o mínimo de isenção ou imparcialidade quando em compita estão clubes portugueses (o ridículo estende-se aos jogos em que intervém o Real de Madrid de José Mourinho) ou a seleção de todos nós. No entanto, ontem, Paulo Garcia e demais cromos exageraram um bocadinho na dose. Mas só um bocadinho…
  6. Pronto, venha lá a Taça de Portugal, que a Académica até está a ajudar e a não jogar um caracol. Quer se queira, quer não, nestas coisas só há um facto relevante: ganhar. Peseiro chegou à final no ano do poderia ter ganho tudo, não ganhou nada e foi despedido.

Quinta-feira, 5 Maio, 2011

Fim de linha

Filed under: Liga Europa — pro.benfica @ 22:15

          Agora que a época terminou para o SLB, posso dizê-lo: Jorge Jesus terminou (ou deveria ter terminado) a sua carreira no clube.

          Termina o campeonato a mais de 20 pontos do F. C. do Porto.

          Perdeu a final da Taça de Portugal a jogar em casa com uma vantagem de dois golos da primeira mão.

         Perdeu a final da Liga Europa perante o Braga.

          Contratou uma série de jogadores incompreensivelmente: Kardec, Menezes, Fernandez, Roberto, Jara, Weldon, etc., etc., etc.

          Andou a poupar jogadores para quê?

          Hoje, tirou Martins para meter Kardec para, minutos depois, tirar Saviola para fazer entrar Menezes. O homem estava bêbedo ou quê? Por que razão insistiu, insistiu, insistiu em Saviola, que não está a jogar nada, não ten velocidade e falha golos em série? Por que motivo o SLB está a jogar devagar, devagarinho, sem velocidade, sem dinâmica?

         Há momentos em que não se pode falhar, em que não há desculpas. É para ganhar. Ponto! E Jorge Jesus e a sua equipa não cumpriram. Quando assim é, a porta da rua é o caminho indicado.

Sexta-feira, 29 Abril, 2011

Liga Europa: meias

Filed under: Liga Europa — pro.benfica @ 0:08

          Sinceramente, alguém quer ir a Dublin ser humilhado pelo FóculPorto?

          Não será preferível ficar pelas meias-finais em lugar de ir levar uma monumental tareia perante a Europa inteira?

Quinta-feira, 14 Abril, 2011

PSV – 2 Benfica – 2

Filed under: Liga Europa — pro.benfica @ 21:06

          Lamentável primeira parte!

          Jorge Jesus continua a inventar e a levar banhos tácticos. O PSV a jogar numa táctica simples: deu o «comando de jogo» ao Benfica e depois partiu em velocidade para o contra-ataque.

          Golo de Luisão no final da 1.ª parte salvou 45 minutos de desastre e de ausência de futebol e deu, possivelmente, a passagem às meias-finais.

          Enfim, a coisa lá se compôs e o Glorioso chega à fase seguinte com calma e sem (grandes) espinhas.

          Uma apostinha: a final será F. C. Porto vs S. C. Braga.

          Ou seja, aposto na derrota do SLB frente ao Braga.

Quinta-feira, 17 Março, 2011

Três nos quartos

Filed under: Liga Europa — pro.benfica @ 23:26

Paris Saint-Germain – 1 Benfica – 2

     » Jogo sofrido, com o Benfica a fazer uma 1.ª parte má, o que tem vindo a tornar-se um hábito;

     » A defesa deu muitas abébias na 1.ª parte e no final do jogo;

     » Salvio, ofensivamente, foi nulO;

     » Saviola foi nulO;

     » Muito bem Coentrão e Cardozo (na 2.ª parte).

Liverpool – 0 Braga – 0

     » O Porto B esteve muito bem;

     » Onde anda o grande Liverpool dos anos 70 e 80? Que miséria!

Porto – 2 CSKA – 1

     » O candidato número 1 a esta prova passou, como se esperava;

     » Quando tudo tem de correr bem, corre mesmo bem: um golo antes de cumprido o primeiro minuto de jogo?; um segundo golo duplamente oferecido?

          Amanhã há sorteio. Tenho cá um palpite!…

          Mario Balloteli é mesmo uma grande besta! Só não se compreende como ainda há clubes dispostos a albergá-lo.

Quinta-feira, 10 Março, 2011

Benfica – 2 PSG – 1

Filed under: Liga Europa — pro.benfica @ 23:01

1. O Benfica, fisicamente, está de rastos. É o que dá a sucessão de jogos com adversários de peso actuando com os mesmos jogadores.

2. Hoje, Sidnei andou aos papéis, um pouco como Luisão. E até o próprio Coentrão não escapou, mas esse está roto de todo. Não dá mais.

3. Carlos Martins, Roberto e Maxi: espectáculo!

4. Jara: continua a não me convencer, mas tem marcado golos decisivos. E, em termos de garra, é o oposto do Gaitolas.

5. Por falar no Gaitolas, o gajo faz sempre uma finta a mais. E, tal como o Salvio e o Coentrão, precisa de sopas e descanso.

6. O Benfica tem começado os últimos jogos sempre mal, a meio gás. Quando engrena, vai em velocidade de cruzeiro, mas até lá chegar às vezes passa metade do jogo.

7. Acreditar que Estugarda se vai repetindo é pouco avisado.

8. Uma aposta: o caneco irá parar às virtrinas do Dragão.

Quinta-feira, 24 Fevereiro, 2011

O borrego está morto

Filed under: Benfica, Liga Europa, Uncategorized — pro.benfica @ 22:37

          Novamente, 2 a 0.

Site no WordPress.com.